30.5.08

Já fui...




Depois de leres e , se possível, ouvires a música “Benditos” cantada por Zeca Afonso (do álbum: Galinhas do mato) começa um poema inspirado na música e cujo primeiro verso será: Já fui...

Benditos


Já fui neve no mar

Já fui espada na mão

Já fui a corda da lira a vibrar

Já fui servo de um Deus

Vida e morte num momento
Já nasci no barlavento
Já fui erva no chão


Bendito seja o pão
Bendita seja a flor

Benditas as portas do amor

Já fui servo de um Deus

Vida e morte de um momento
Já nasci no barlavento
Já fui erva no chão


Já fui favo de mel
Cajado de pastor

Já fui nuvem correndo no céu

Já fui ceptro de um rei
Arco-íris num instante
Já fui vento do levante
Já fui andarilho e cantor

Bendita seja a paz

Bendita sejas tu

Benditos os peixes do azul


Já fui ceptro de um rei
Arco-íris num instante
Já fui vento do levante
Já fui andarilho e cantor


José Afonso